sábado, 13 de outubro de 2007

Eu já sei contar!

E Bady continua me surpreendendo...

Acordamos cedo ontem. Estávamos sozinhas. Meu leite tinha acabado, e resolvi ir ao Posto comprar uma caixa de leite semidesnatado (resolvi tomar leite semidesnatado porque quero perder 4Kg para voltar aos meus 50Kg). Banho, cabelinho arrumado, roupinha limpa, cheirosinhas, foram as duas mulheres da casa rua abaixo comprarem leite.

A caminhada começou com uma conversinha repetida diante do pedido de "colo, mamãe". Tenho conversado com ela sobre a importância de fazer exercícios para crescer forte (como "Tsantsão, ela completa), que ela está pesada, e que tem que escolher: ficar no colo e voltar para casa, ou andar e irmos para "hua". Rueira como ela só, aceita logo caminhar, mesmo que eu tenha que negociar: "Caminha até aquele orelhão (ou qualquer outro marco), e você vem para o coloco um pouco". Cumpro nossos acordos e nossas caminhadas fluem bem.

No caminho, vimos vários cachorros, vimos "cocó", "voa-voa" (passarinho. Ela mesma começou a usar a expressão de uma música de um DVD para designar passarinho) e outras tantas coisas. Quando chegamos no semáforo, ela logo me diz: "vemelho". Paro e espero ficar verde.

Quando pisamos na área do posto, ela me mostra "pombo". Em seguida, me diz: "mamãe, dois". Caraca, eram dois pombos!!! Mais ainda, ela não disse "um, dois". Ela fez isso para ela mesma e já me comunicou que eram dois pombos.

1 Comment:

héber sales said...

daqui a pouco vai come�ar a me pedir dinheiro, essa minina bunita.
mas como eu tenho um fraco por mui� bunita, n�o vou negar o agrado. beijos!